Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblio Tubers

Pensamos a escola como sistema aberto, capaz de refletir a sociedade e de responder aos desafios contemporâneos. Acreditamos no poder da partilha e das redes. Defendemos os recursos abertos e a biblioteca como centro de saber na escola.

Biblio Tubers

Pensamos a escola como sistema aberto, capaz de refletir a sociedade e de responder aos desafios contemporâneos. Acreditamos no poder da partilha e das redes. Defendemos os recursos abertos e a biblioteca como centro de saber na escola.

Cultura digital ou cultura analógica? Em que mundo se situa?

Manuel Castells - Escola e internet: o mundo da aprendizagem dos jovens

Maio 29, 2020

1 (4).jpg

 

A rubrica "Conversas (im)prováveis" recupera hoje uma entrevista feita a Manuel Castells, em 2015, onde o filósofo espanhol reflete sobre o mundo da aprendizagem dos jovens.

Legendado em português.

 

O mundo da aprendizagem (um tema já tratado nesta rubrica) está dividido em duas vertentes que acabam por ser completamente distintas:

  • A escola, que serve para obter um diploma,
  • A internet onde os jovens, em grupos informais, aprendem realmente.

 

O filósofo leva-nos a refletir sobre a necessidade de introduzir alterações de fundo na educação, pois as escolas continuam a ensinar exatamente como na Idade Média, isto é, o ensino está centrado no professor que se comporta como um lente.

A cultura analógica, que caracteriza a escola, e a cultura digital, que é a dos alunos, correspondem a dois mundos completamente diferentes, o que causa uma dissonância cognitiva nos estudantes "que pensam a internet", ao contrário dos seus professores, que apenas a usam.

Apesar da dificuldade que os jovens revelam na memorização, a sua capacidade de realizar várias tarefas ao mesmo tempo favorece a recuperação da informação e a produção de ideias novas, isto é, aumenta a capacidade criativa que é o que mais interessa no mundo de hoje.

Vídeo de Fronteiras do Pensamento | Produção Telos Cultural | Produção Audiovisual Okna Produções | Documentário Um mundo complexo | Direção e Edição Marcio Reolon | Direção de Produção Gina O’Donnell | Tradução Marina Waquil e Francesco Settineri

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Conversas (im)prováveis com Inês Serrano e Sandra Lopes

A Educação Inclusiva

Março 10, 2020

in.png

Inês Serrano e Sandra Lopes são docentes de Educação Especial e, por isso, fazem parte de equipas multidisciplinares nas escolas onde trabalham. Assumem, por isso, um papel fundamental no delinear de projetos que favoreçam não só o desenvolvimento de competências escritas no perfil dos alunos à saída da escolaridade obrigatória, mas também competências sociais e emocionais numa perspetiva de construção das aprendizagens pelos próprios alunos.

A Educação Inclusiva deve ter em conta "a forma particular e única de cada indivíduo aprender".

Esta conversa decorreu na Escola EB 2-3/S Pedro Ferreiro, em Ferreira do Zêzere.

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Conversas (im)prováveis com Fernando Campos e Patrícia Marques

O Regulamento Geral de Proteção de Dados

Março 06, 2020

campos.jpeg

Fernando Campos e Patrícia Marques dão voz a mais uma conversa (im)provável, tão curta, quanto esclarecedora, sobre as razões de ser e os objetivos do Regulamento Geral de Proteção de Dados.

A proteção de dados e a privacidade são direitos fundamentais, afirma concludentemente Fernando Campos.

Aconteceu no Sardoal, no passado dia 3 de março.

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Conversas (im)prováveis com Carlos Pinheiro e Patrícia Marques

O perfil do professor do século XXI

Março 04, 2020

Pinheiro.jpg

O Biblio Tubers desafiou Carlos Pinheiro e Patrícia Marques para uma conversa (im)provável em torno do perfil do professor do século XXI. Que competências? Qual o papel da tecnologia? 

As transformações que ocorrem na sociedade devem levar o professor a repensar o seu papel, a olhar para o currículo de forma flexível, afirma Carlos Pinheiro.

A conversa decorreu na bonita vila do Sardoal.

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Conversas (im)prováveis com Jorge Borges

A Aprendizagem

Março 03, 2020

jb.jpeg

Na segunda conversa (im)provável, o Biblio Tubers apresenta um tema central na escola: a aprendizagem.

Numa sociedade caracterizada pelo paradigma do "aprender a aprender", o grande desafio da educação do século XXI é desenvolver esta competência nos professores e alunos.

O local escolhido para esta conversa, a uma voz, com Jorge Borges foi o Centro Cultural Gil Vicente, no Sardoal, no âmbito da formação "Projetos na biblioteca: flexibilizar para inovar" da Rede de Bibliotecas de Abrantes, Constância, Sardoal e Vila Nova da Barquinha.

Oiça aqui a conversa na íntegra:

Consulte a apresentação de suporte a esta conversa:

Ser Cidadão Digital

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Conversas (im)prováveis com Hélder Marques e Cristina Barros

O trabalho de projeto

Fevereiro 19, 2020

bi.png

O Biblio Tubers inicia hoje uma nova rubrica que dá a palavra a (im)prováveis convidados que, numa curta conversa, opinam sobre um tema.

Para começar, e dada a centralidade do trabalho de projeto nos documentos que orientam a ação da escola, atualmente, a palavra é de Hélder Marques e Cristina Barros. O espaço escolhido foi o de uma sala de aula da Escola Secundária Jacôme Ratton, em Tomar.

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Twitter

Facebook